Redução de gastos nos condomínios

Um dos princípios de uma boa administração do condomínio é saber de forma transparente, para onde vai o dinheiro arrecadado mensalmente.

Para ajudar na redução e controle de gastos, os condôminos e síndicos podem contar com ferramentas que possam auxiliar nos principais custos.

Uma tabela de despesas e gastos por exemplo é uma dica interessante para que o síndico perceba se a contribuição mensal está sendo bem aplicada.

Setores como folha de pagamento de funcionários e os encargos chegam a custar 50% do total da taxa condominial, seguido de 25% de gastos com manutenção e conservação, 15% com despesas fixas ( como água,luz,etc) e 10% com despesas relacionadas a seguro de incêndio, fundo de reserva, etc.

Leia Mais

Como Investir Taxa Condominial

Como Investir a taxa Condominial

As responsabilidades de um síndico são muitas, ainda mais quando falamos de dinheiro.

Então, qual será a resposta do sindico se fizermos uma pergunta: Você sabe como aplicar a taxa condominial?

Quando você assume a gestão de um condomínio, uma das grandes dificuldades que encontra pelo caminho são as contas. É preciso por em dia os gastos, para ver o que deve ser feito de manutenção, pagar salários, pagar a luz, a água, os gastos de segurança, entre outras despesas ordinárias fixas. Em um primeiro momento organizar todas essas finanças pode ser complicado, ainda mais quando se pergunta: Mas de onde eu vou tirar dinheiro?

Leia Mais

Como funciona o regime tributário de condomínios

Organizar a contabilidade de um condomínio pode ser uma tarefa complicada. É normal que os síndicos no início de sua carreira que tenham dúvidas sobre qual é o regime tributário do condomínio. Isso acontece porque a tributação de condomínios ainda é um tema que causa confusão. Especialmente quando não se tem a informação correta. Queremos facilitar a vida dos síndicos. Por isso, preparamos esta postagem para explicar tudo sobre a classificação fiscal de condomínios e ainda quais são os impostos dos condomínios.

Leia Mais